Educadores têm uma série de demandas obrigatórias para cumprir em seu dia a dia. Está longe de ser uma tarefa simples, afinal, não consiste em simplesmente chegar na classe e lecionar os conteúdos de acordo com seus conhecimentos. É preciso fazer o planejamento das aulas, seguir o cronograma da instituição em questão, preencher o diário de classe e elaborar o relatório descritivo do aluno. Aliás, você sabe o que é esse relatório? Tal documento é de grande valia para pais, alunos e os próprios professores, pois aborda a evolução de cada criança perante o ambiente escolar.

Esse tipo de parecer descritivo é uma das atividades previstas no currículo pedagógico escolar do ensino infantil e ensino fundamental. Professores dessas etapas da educação devem estar preparados para formular essa documentação em determinados períodos do ano letivo. Se você se inclui nesse grupo, temos uma ótima notícia para lhe dar: é possível aprender a fazer relatório individual do aluno por meio de cursos online, que são modernos, descomplicados e eficazes.

Quer conhecer mais sobre os variados tipos de pareceres descritivos e dicas de como se qualificar nesse quesito da área da educação? Vamos te mostrar todas essas informações neste artigo, acompanhe.

Cursos relacionados que podem te interessar:

O que é relatório descritivo do aluno?

Crianças se desenvolvem de maneira singular, cada uma em seu tempo e com características particulares. Isso deve ser observado pelo professor que convive diariamente com elas e, geralmente, uma vez por bimestre, ser transformado em uma análise escrita para ser entregue na reunião de pais e mestres.

O relatório individual do aluno existe para criar uma conexão entre o aprendizado de bebês e crianças na escola, sob os olhos dos educadores, e os pais e/ou tutores, evidenciando a evolução e pontos que precisam ser trabalhados. É o feedback dado aos responsáveis de alunos da educação infantil – de 0 a 5 anos – e dos primeiros anos da educação fundamental - dos 7 aos 10 anos.

A apresentação desse documento é, em muitos estados brasileiros, obrigatória nas escolas municipais e estaduais. Na Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, por exemplo, há a Portaria nº 7.598, de 2016, que define que ele deve existir nas duas etapas de ensino anteriormente citadas. A legislação diz o seguinte:

Quanto ao ensino infantil: "a documentação educacional de que trata esta Portaria consistirá [...] no Relatório Descritivo elaborado pelo professor contemplando:

I- o percurso realizado pelo grupo de crianças/individualmente;

II- as diferentes formas de expressão;

III- os registros de observações significativas da criança;

IV- as expectativas da família;

V- os registros sobre a frequência e sua interface no processo de desenvolvimento e aprendizagem da criança".

Quanto ao ensino fundamental: “a produção da documentação pedagógica, expressa em múltiplos registros que permitam as famílias e a Escola de Ensino Fundamental conhecerem o trabalho da instituição junto às crianças e os processos de desenvolvimento e aprendizagem da criança no decorrer de sua permanência na instituição”.

É de responsabilidade dos professores elaborarem esse parecer, até para que seu trabalho garanta mais credibilidade e seja reconhecido, tanto pelo próprio sistema educacional, quanto pela instituição de ensino e pelos pais de seus alunos. Esse relato deve ser proveniente de um acompanhamento sério e elaborado com coerência, de modo individual para cada criança.

O processo de escrita de um relatório descritivo do aluno não é tão simples assim, já que a rotina em sala de aula é bastante complexa e às vezes influi na organização das ideias que devem ser transpostas para o papel. Bom, são muitas crianças para educar e prestar atenção, e essa análise depende de um trabalho de formiguinha feito pelo professor. Se você já é atuante, deve saber muito bem como é isso, não é mesmo? Por isso, esse artigo foi escrito, para te ajudar nessa missão.

Se você é educador ou está estudando para ser um, é importante que saiba que, hoje em dia, você tem a ajuda de diversos meios de se qualificar ainda mais e se atualizar quanto a temas dentro de sua área de atuação. Cursos online com certificado sobre relatório descritivo podem ser ótimas ideias para quem deseja garantir um diferencial a mais e, claro, não passar aperto quanto às funções exercidas na sala de aula.

Nos tópicos a seguir vamos explanar sobre algumas informações a respeito dos pareceres descritivos nas duas fases da educação e como você pode aprender mais em cursos EAD. Fique atento.

Importância do parecer descritivo na educação infantil

O ensino infantil consiste na educação de crianças de zero a seis anos de idade. É o que conhecemos pela creche (até três anos) e pré-escola (de quatro e cinco anos), ambas incluídas como direito de todas as crianças do Brasil, segundo a Lei nº 9.394, de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Trabalhar a estruturação das crianças, preparando-as para enfrentar as adversidades da vida, é algo que pode ser muito gratificante para o professor, não é mesmo? E nada melhor e mais divertido, tanto para você, educador, e para seus alunos, de forma lúdica, ensinar os pequenos a se portarem em ambiente escolar, a conviverem com seus colegas e demais pessoas, reconhecendo e respeitando as diferenças. São trabalhadas linguagens, a sociabilidade, a cidadania e a coordenação motora, e todos esses conceitos e práticas devem ser observados ao longo do ano letivo. E às vezes, nem sempre é uma tarefa simples passar tudo o que foi observado para o papel. Vale saber que há muitos cursos online que podem capacitar professores de educação infantil a trabalharem de modo mais estimulante, como o que aborda a construção do conhecimento nessa fase escolar.

Entra também no conteúdo programático das escolas infantis muitas disciplinas como artes, matemática, português, ciências, geografia, etc, que são ensinadas com ludicidade e, claro, com matérias bem mais leves do que aquelas dadas no ensino fundamental. O aprendizado e a interação do aluno nesse tipo de aula também são analisados pelo professor e deve ser evidenciado no parecer descritivo na educação infantil também.

Segundo Claudia Ayres, coordenadora pedagógica, após compartilhar o documento com os pais, estratégias precisam ser traçadas. "Concebemos a educação infantil como um período em que as aprendizagens se desenvolvem de maneira processual e em espiral. O que garante para cada criança seu tempo individual de construção", diz a especialista.

Além da cognição, é necessário analisar nessa etapa os aspectos emocionais e sociais de cada criança. Afinal, é nessa faixa etária que ocorre o início da formação do caráter e adquire-se consciência de espaço, sociedade, convivência e outros. Entre outras palavras, é na pré-escola é que a criança se percebe como indivíduo e “ganha o mundo”. E o papel do professor é mostrar quais os aprendizados e experiências que elas estão adquirindo no ambiente escolar e, por isso que o parecer descritivo na educação infantil se mostra tão essencial.

Entender a melhor maneira de reunir as informações das crianças neste documento importante, ajuda você a ser um profissional melhor. Você passa a compreender melhor a sua didática e observar possíveis falhas, para tentar dar aulas cada vez mais eficientes. Há um modo correto de se abordar os ensinamentos passados e o desenvolvimento da criança e que pode ser descoberto em cursos a distância. Vale muito a pena, pois você ganha confiança para redigir documentos complexos. O que acha?

Relatório Descritivo do aluno

Importância do parecer descritivo no ensino fundamental

O parecer descritivo no ensino fundamental é parte integrante da avaliação bimestral dos alunos das primeiras séries dessa etapa – do 1º ao 5º ano, mas principalmente quando ocorre a alfabetização. Esse documento se mostra muito importante para que os pais percebam que o aluno conseguiu se adaptar de ensino infantil para o ensino fundamental, uma transição que deve ser tratada com cautela pelos educadores.

O desenvolvimento de alunos de seis a 10 anos é analisado de diferentes maneiras assim como com as crianças de zero a cinco, mas se dá uma ênfase mais ampla para a questão da alfabetização, letramento e da compreensão das matérias dadas em sala de aula. Essa avaliação acompanha as notas bimestrais e deve ser redigida compreendendo detalhes da evolução de cada aluno. Se você é professor do ensino fundamental I pode elevar seu nível de conhecimento na área em cursos online. Há uma capacitação específica que pode desmistifica as principais dificuldades dos educadores em escrever documentos como este e ensinar táticas precisas.

Ensinar para crianças do ensino fundamental é um desafio e tanto, e você provavelmente terá seu tempo preenchido com tarefas minuciosas como o preparo das aulas e preenchimento do diário de classe (assim como em outras séries), mas com o desafio de alfabetizar cada criança e obter resultados positivos para apresentar no final de cada semestre. Este é o seu caso? Então aproveite nossa dica: realize, além dos cursos online com certificado sobre parecer descritivo no ensino fundamental, alguns que exponham metodologias de ensino para crianças nessa fase, assim como disciplinas específicas.

É importante saber que o parecer descritivo será utilizado na produção do histórico escolar do aluno. Desta forma, ele deve ser bem escrito, sem conter julgamentos e termos pejorativos. Mais um motivo para você descobrir o jeito certo de prepará-lo.

Educador: conheça seus alunos e aprimore sua didática

Cada vez mais a educação pede um olhar interdisciplinar do educador. Portanto, tanto parecer descritivo no ensino infantil quanto do ensino fundamental devem conter informações sobre diversas áreas do saber que se complementem entre si e que estejam fazendo a diferença no desenvolvimento da criança. Você deve perceber que, em sua rotina em sala de aula, as crianças trazem influências de fora da escola e vão te mostrando, aos poucos, as suas personalidades. Por isso é imprescindível prestar atenção tanto no grupo, quanto nos alunos em sua individualidade.

Lembre-se que um relatório descritivo do aluno não pode ser escrito com informações coletadas de um dia para o outro. A partir dos fatos observados você deverá elaborar um texto coeso, coerente e embasado. No entanto, é comum se sentir inseguro no momento de redigir essa avaliação por diversos motivos. Um deles é a necessidade de fazer com que os pais se sintam amparados pelo parecer, afinal, ele pode ser um complemento importante para a educação da criança em casa. 

Sabemos que hoje, mais do que nunca, professores enfrentam uma série de desafios dentro da escola, como a indisciplina, o bullying, as dificuldades de aprendizagem, os problemas psicológicos e comportamentais, muitos deles provenientes de uma desestruturação familiar, como explica uma matéria do jornal Gazeta do Povo. Além da formação superior, os professores precisam encontrar meios de se preparar para encarar situações adversas como estas e para informar os pais qual é a realidade de seus filhos dentro da escola. Realizar cursos online é uma das formas mais eficazes atualmente, pois auxiliam na capacitação em diversos âmbitos da educação e também na criação de cartilhas completas sobre os alunos.

Ao conhecer como escrever um bom relatório, você consegue ajudar pais, alunos, a própria instituição e você mesmo. Sim, acredite, um documento que antes parecia somente um encargo dos professores, pode trazer ótimos resultados. Os pais, ao receber notificações precisas sobre seus filhos, vão lhe agradecer por seu compromisso com a profissão e com seus alunos; a escola para a qual trabalha também será melhor avaliada graças ao seu empenho como educador. Qualificando-se sempre o seu trabalho será ainda mais valorizado e você terá mais subsídios para lecionar melhor.

Relatório Descritivo do Aluno

Avalie seus alunos em diferentes aspectos

Quando você aprimorar seus conhecimentos em cursos à distância sobre relatório individual do aluno, você está mais capacitado a observar seus alunos. Poderá enxergar mais facilmente em quais atividades as crianças se destacam, quais elas têm dificuldades em desenvolver, entre outros. De um modo geral, será preciso analisar aspectos cognitivos (o que está sendo aprendido ou o que foi aprendido pelo aluno); aspectos sociais (como é a relação da criança com os colegas individualmente, em grupo, e também com os adultos que trabalham na escola); aspectos emocionais (como a criança tem lidado com as adversidades e emoções em sala de aula); aspectos físicos (bem importante a ser incluído no parecer descritivo na educação infantil. Como é sua coordenação motora e o desenvolvimento da expressão corporal).

Prestando a atenção na rotina e no jeito de ser das crianças, e unir essas informações ao seu plano de aula, você terá recursos para escrever um parecer descritivo bem completo e que passe segurança sobre o seu trabalho aos pais e à instituição de ensino. Atualmente, enxerga-se a importância de uma análise mais aproximada do professor em relação ao aluno, não só quanto ao aspecto cognitivo. O educador deve estar apto para lecionar e também para ajudar seus alunos a se tornarem adultos responsáveis e cidadãos. Isto é o que você deseja para sua carreira? Conte com a ajuda de cursos a distância para se capacitar na área e crescer profissionalmente.

Os certificados do Enfoque Capacitação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Aprenda mais sobre parecer descritivo e tenha uma rotina mais leve

Como falamos, cursos EAD podem ajudar professores de diversas maneiras. Há capacitações que englobam diversos temas dentro da educação e também da educação infantil. São cursos online com certificado preparados exclusivamente para quem quer educar melhor, se adequar às novas metodologias e oferecer um serviço de qualidade também para as instituições de ensino.

Você pode adquirir o conhecimento sobre o tema no curso online Relatório Descritivo do Aluno aqui do Enfoque Capacitação, pois prezamos pela qualidade do conteúdo oferecido aos nossos alunos e pela certificação de confiança. Além disso, o valor de investimento é justo, diferente do que vemos em muitos cursos a distância por aí do mesmo segmento.

Se você curtiu a ideia de se qualificar ainda mais como professor, aprendendo tudo sobre parecer descritivo no ensino fundamental e infantil, não perca a chance de conhecer esse curso. Você vai aprender macetes e técnicas para escrever esse documento que, muitas vezes, pode complicar sua rotina. Deixe que a praticidade de cursos EAD ajude você na missão de ser um profissional mais capacitado e ágil. Inscreva-se já!

Esperamos que tenha gostado do artigo. Qualquer dúvida que tiver sobre o curso online ou até mesmo sobre o tema, deixe um comentário abaixo, que nós responderemos. Até mais!