“Um país se faz com homens e livros”, disse Monteiro Lobato - e ele estava certo. Os livros trazem formação, informação e conhecimento. Nos acompanham desde os primeiros anos, estiveram presentes em toda nossa vida escolar, até nossa formação superior - e continuam nos acompanhando pela vida, inclusive como forma de lazer.

Você já pensou na importância dos livros e de outros tipos de publicações, e em quantas pessoas estão envolvidas com sua criação, comercialização e conservação? Escritor, editor, ilustrador, revisor, jornalista, vendedor, leitor e auxiliar de biblioteca, por exemplo. Essa última função, apesar de não ser muito lembrada, é bem importante, pois são os profissionais que trabalham em centros bibliográficos que mantêm a memória e a conservação desses meios de conhecimento tão importantes que são os livros. A atividades exercida pelo auxiliar de biblioteca é o assunto do nosso artigo. Descubra também como os cursos online podem qualificar e garantir a absorção desses profissionais pelo mercado de trabalho.

O que faz um auxiliar de biblioteca

A função desse auxiliar engloba várias atividades complementares às do bibliotecário, e que dizem respeito à rotina de uma biblioteca pública, universitária ou escolar. Essas atividades também se estendem ao funcionamento de uma biblioteca online , de centros de documentação ou de hemerotecas. É importante saber que os cursos EAD, como o curso online Auxiliar de Biblioteca do portal Enfoque Capacitação, abordam todos os elementos necessários para uma formação profissional de qualidade, deixando o aluno preparado para assumir as funções desse cargo.

Veja algumas funções exercidas por esse profissional:

  • atendimento, cadastro e orientação de usuários;
  • controle de entradas e saídas de materiais;
  • ajuda com a seleção, aquisição, catalogação e classificação de materiais - documentais e bibliográficos;
  • auxiliar na manutenção e boa conservação do acervo bibliográfico;
  • auxiliar no gerenciamento de bibliotecas, por meio de práticas administrativas voltadas para o meio;
  • atua nos serviços auxiliares de audiovisuais e também de processamento de dados;
  • dar atendimento ao usuário, bem como informações, orientações e ajuda, caso ele necessite;
  • como tem o contato direto com os usuários, ajuda o bibliotecário ao identificar dificuldades no acesso às informações, a demanda de serviços e toda informação que sirva para que se promova e implemente melhorias no local de trabalho;
  • é de sua responsabilidade qualquer tarefa de ordem administrativa.

Cursos relacionados que podem te interessar:

Auxiliar de biblioteca x bibliotecário

As diferenças entre as funções são, basicamente, a formação e o modo como cada um responde com relação aos seus cargos, além das áreas de atuação. O bibliotecário tem a graduação de bacharel em Biblioteconomia, estuda quatro anos em uma universidade e pode assumir cargos tanto em uma biblioteca pública quanto em uma privada. Pode ser responsável por uma biblioteca escolar ou universitária, por centros de documentação e informação, por agências de publicidade, institutos de pesquisa, bancos de imagens e outros. O bacharel em Biblioteconomia pode exercer também a profissão de professor em cursos de auxiliar de biblioteca. A profissão de Bibliotecário foi regulamentada pela Lei 4.084, de 30 de junho de 1962.

 A função de auxiliar de biblioteca também é nominada como Assistente de Biblioteca, Auxiliar de Bibliotecário e Auxiliar de Serviços Bibliotecários. O cargo não exige experiência anterior na função e é subordinado ao de bibliotecário. Esses profissionais são técnicos de nível médio em início de carreira e, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, na Classificação Brasileira e Ocupações (CBO), são classificados sob o código 3711-05, como auxiliares de serviços de documentação, informação e pesquisa.

Tipos de biblioteca

Há cinco tipos de biblioteca, definidas pela sua função e objetivo, veja quais são:

Biblioteca Nacional (BN): não há como mensurar a sua importância, uma vez que é  quem guarda as memórias bibliográficas de um país. É representada pela Fundação Biblioteca Nacional, existe desde 1810 e teve origem na Biblioteca Real, por ocasião da transferência da corte portuguesa para o Brasil. A BN fica localizada no Rio de Janeiro.

Biblioteca Pública: estadual ou municipal, a pública tem a função de servir à população. Mantida com recursos públicos, tem um acervo bem abrangente, de enciclopédia e fontes para pesquisas à literatura voltada ao lazer. Gerações que estudaram em épocas em que não se tinha acesso à internet tinham nessas bibliotecas a sua fonte de informação para pesquisas e trabalhos escolares, além da biblioteca da própria escola.

Biblioteca Escolar: é destinada a estar a serviço de alunos e professores de ensino fundamental e médio. Todas as instituições de ensino - públicas ou privadas - têm que ter uma biblioteca, de acordo com a Lei 12.244, de 24 de maio de 2010.

Biblioteca Universitária: com o objetivo de servir às instituições de ensino superior, é quem garante o acervo de material especializado aos estudantes universitários. A biblioteca universitária geralmente tem uma estrutura de peso, e há, em muitos casos, uma biblioteca central e bibliotecas setoriais conectadas a ela.

Biblioteca Especializada: atende a um determinado público, como uma biblioteca jurídica, por exemplo. É também chamada de biblioteca especial.

Cursos online para a formação de Auxiliares de Biblioteca 

A área que corresponde à função de auxiliar de biblioteca é bastante ampla e há muitos detalhes, normas e técnicas a serem seguidas entre o caminho que um livro faz da sua chegada a uma biblioteca até ser colocado na prateleira - e até mesmo antes disso, pois há a parte de seleção e aquisição. Todos esses processos são tratados de forma detalhada no curso online Auxiliar de Biblioteca.

Agora que você sabe um pouco mais sobre esse segmento, deve saber também que cursos online com certificado lhe deixam apto a ser um forte candidato à vagas nesse setor, assim como em qualquer um dos tipos de biblioteca. Lembrando ainda que as bibliotecas ganharam o meio virtual, e que uma biblioteca online também precisa de profissionais qualificados e a par dos recursos, ferramentas e meios de funcionamento dessa tecnologia. Nossos cursos à distância tratam também desse tópico, além de outros essenciais à formação de um bom auxiliar de biblioteca.

Que tal vermos um pouco do que o portal oferecem na qualificação de profissionais para que estes se tornem excelentes auxiliares?

Biblioteconomia x Ciência da informação x Documentação

Os três segmentos são também assuntos abordados no curso de auxiliar de biblioteca. A Biblioteconomia se entrelaça com outras áreas como a Ciência da Informação e a Documentação. Por haver certa similaridade, por terem o mesmo objetivo-fim, que é a informação, é comum haver uma certa confusão ao diferenciá-los, principalmente a Biblioteconomia da Documentação.

A Biblioteconomia seleciona, adquire, cataloga, classifica, indexa, armazena, recupera e disponibiliza os itens de informação para uso por meio de empréstimo, como livros e materiais multimídia. Sua função é exclusivamente disponibilizar a leitura e informação ao usuário.

A Documentação, por meio dos centros de documentação (CEDOCS), é a responsável pela guarda e centralização de documentos e memórias, podendo ser especializada em um tema específico ou agrupar vários tipos de documentos. Centros de documentação têm uma característica peculiar, que lhes garante o poder de mesclar elementos de arquivos, museus e bibliotecas e têm, entre seus documentos, imagens, fotografias, publicações, recursos audiovisuais, entre outros.

A Ciência da Informação trabalha com a gestão, administração, análise e consultoria da informação. É uma área bem ampla, que abrange os vários aspectos da informação, da pesquisa por busca de notícias, recuperação de informações (e análises das mesmas) importantes para negociações comerciais de sucesso, pesquisas jurídicas, de saúde, redação e edição de documentos, entre muitas outras opções.

O que há em comum entre os três segmentos é que qualquer um deles pode absorver o  profissional que atua como auxiliar, pois eles são capacitados a desenvolver um trabalho informacional de qualidade, por meio de seu aprendizado a respeitos dos processos necessários ao funcionamento dos espaços responsáveis por disseminar a informação.

Gestão de biblioteca escolar

Outro tema abordado em nossos cursos à distância, tem como objetivo capacitar professores ou profissionais da área, que já atuam em bibliotecas escolares ou que estejam se preparando para isso. O curso online Auxiliar de Biblioteca fomenta o conhecimento para que esses profissionais se tornem capacitados a gerenciar de forma eficiente o espaço da biblioteca, ou outros espaços de leitura, que tenham como objetivo levar a seus usuários a informação e o conhecimento. 

Para professores, os cursos online com certificado podem dar muito mais que os benefícios de especialização em técnicas e normas utilizadas para organização, gestão e conservação de uma biblioteca e seu acervo. Eles proporcionam conhecimentos que podem ser implementados para melhorar seus espaço de trabalho, tanto na biblioteca escolar quanto em outros espaços voltados à leitura e à disseminação de informações. A certificação fornecida por nosso portal somará em sua titulação uma carga horária adicional, o que, na educação, pode significar salários maiores e outros privilégios, como poder escolher o local de trabalho, o turno e os horários.

Conceitos de indexação de documentos

Outro tópico estudado no curso para auxiliar de biblioteca diz respeito à indexação dos materiais bibliográficos. De forma bem resumida, indexar um livro significa representá-lo por palavras. Indexar é relacionar o documento com uma chave de acesso que facilite a localização do todo ou de suas partes, relativas a cada assunto. Um exemplo: há que se fazer a indexação do livro “Guia de cursos online de digitalização de documentos" - "digitalização" e "cursos online" certamente seriam palavras escolhidas para representar a publicação. Mas há muitas outras: educação à distância, informatização, cursos à distância, métodos de digitalização e documentos digitais são exemplos de outras que poderiam ser escolhidas para indexar o referido livro.

Mas e como chegar a essas escolhas? Bem, essa identificação partirá de uma análise, identificação e seleção dos conceitos que representam a essência da publicação. Os conceitos são identificados pela leitura, compreensão e conhecimento do conteúdo da publicação, ou documento, e determinados pelo que melhor representa o seu conteúdo.

Também são estudados nos cursos EAD referentes ao tema, os tipos de indexadores, que podem ser de lugar, de tempo ou temáticos, entre outros. Além da indexação, há muitos outros processos a serem estudados, como a preparação física do livro, a catalogação, a classificação e a armazenagem.

Os certificados do Enfoque Capacitação podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Organização e tratamento do acervo

A estrutura de uma biblioteca pode se dividir em organização funcional, que determina os setores responsáveis por determinados processos e o tratamento do acervo. 

Na organização funcional há os principais setores:

  • administração: controla o todo - planejamento, finanças, correspondências, recursos humanos etc;
  • desenvolvimento de coleções: setor responsável pela seleção e aquisição de acervo;
  • registro: é o setor que faz com que as publicações e documentos se tornem patrimônio da biblioteca;
  • processos técnicos: setor responsável por aplicar as normas e técnicas da biblioteconomia, como indexação, catalogação etc;
  • preservação, conservação e restauração: são os responsáveis por analisar a situação física das publicações e tirar de circulação o que estiver muito danificado, com o propósito de fazer a restauração;
  • referência: é o primeiro contato do usuário com a biblioteca;
  • circulação: é o que trata do empréstimo e devolução dos livros. Está normalmente ligado ao setor anterior, de referência, pois é que faz o atendimento ao usuário.

Em cada um desses setores, pode ter um auxiliar trabalhando. Isso normalmente acontece em grandes bibliotecas, cedocs e hemerotecas. Já as menores normalmente têm menos auxiliares com mais funções.

A biblioteca online, por sua vez, também se encaixa no conceito de organização pelos seus serviços de seleção, organização e distribuição da informação.

O tratamento de acervo prevê os seguintes processos:

  • seleção e aquisição: como visto antes, feitos pelo setor responsável pela pesquisa sobre as necessidades da biblioteca;
  • tratamento técnico: engloba a catalogação, a classificação (determinada pelo assunto do livro), a indexação e a preparação física do livro (a publicação é etiquetada e carimbada);
  • armazenagem da publicação: quando os livros são guardados nas estantes;
  • preservação do acervo: os cuidados para que os livros tenham uma vida longa;
  • catálogos: onde as fichas catalográficas estão ordenadas, pode se apresentar na forma física ou digital;
  • serviços aos usuários: treinamento, orientação e consulta (para que os usuários consigam encontrar o que buscam com rapidez e sabendo como procurar); referência (a pessoa que faz a ponte entre as publicações e o usuário); clipagem (a seleção de matérias que podem interessar os usuários); pesquisas e levantamentos bibliográficos (ajuda ao usuário que busca tudo que pode encontrar sobre “determinado autor”, por exemplo); disseminação seletiva da informação (leva ao usuário a informação que ele deseja receber) e a circulação (empréstimos).

O auxiliar de biblioteca no mercado de trabalho

Se você fizer uma busca rápida sobre vagas de emprego para auxiliar de biblioteca, verá que o mercado de trabalho está acolhendo bem esse profissional e que há bastante colocação no mercado. Há inclusive, vários processos seletivos e concursos que visam a contratação nessa área. Escolas, universidades e outras instituições públicas eventualmente lançam editais ofertando vagas ao cargo. 

Um ponto bem importante e que deve ser levado em conta é que a preparação desse profissional sai das fronteiras do curso específico para a função e chega a outros cursos. Um deles é o de preparação para uso dos meios digitais, considerando-se que uma grande parte das bibliotecas foram automatizadas, e algumas oferecem, inclusive, pesquisa à distância, como é o caso da Biblioteca Nacional.

Qualificações voltados à área administrativa e às relações interpessoais também devem fazer parte da preparação desse profissional auxiliar, porque entre as atividades relacionadas à função estão rotinas administrativas e atendimento ao público. Uma coisa que você deve ter sempre me mente: quanto melhor preparado estiver, melhores são as suas chances no mercado de trabalho.

Se a sua ideia é se qualificar ou se está inclinado a trabalhar nesse campo, não perca mais tempo e inscreva-se em nosso portal.

Além do curso de auxiliar de biblioteca, há outras opções que podem ser de seu interesse. São cursos online com certificado em que você escolhe a carga horária para ser avaliado - de 5 até 360 horas. Para ter acessos aos nossos cursos EAD, você investe o valor de R$ 69,90 e tem acesso a diversos cursos, pelo período de um ano, podendo fazer quantos quiser, sem nenhum custo adicional além do investimento inicial.

Ficou alguma dúvida com relação aos cursos online? Tem alguma sugestão? Use o espaço dos comentários e deixe-nos saber a sua opinião.